Procure no Apolo11
Sexta-feira, 26 jun 2020 - 09h32
Por Rogério Leite

Lançamento ao vivo: Falcon 9 vai ao espaço com Starlinks quase invisíveis

Atualização - 16h00Devido a alggum problema não informado, a equipe de engenheiros de voo adiou o lançamento do Falcon 9, previsto para a tarde de sexta-feira. Ainda não foi informada a nova data, mas há relatos de que deverá ocorrer no dia 30 de junho, terça-feira. Clique aqui e leia mais sobre este lançamento.

Texto original
Se não houver atrasos devido ao tempo, a SpaceX deverá lançar nesta sexta-feira à tarde mais um lote de satélites da série Starlink, mas com um diferencial bastante significativo em relação aos anteriores: os objetos serão praticamente invisíveis e não deverão mais formar o famoso trem luminoso já famoso nos céus noturnos.

Foguete Falcon 9, sendo lançado do Kennedy Space Center, na Flórida.
Foguete Falcon 9, sendo lançado do Kennedy Space Center, na Flórida.

O lançamento do Grupo 9 de satélites Starlink está previsto para às 17h18 BRT (Hora de Brasília) e poderá ser acompanhado ao vivo pelo nosso canal no Youtube, com comentários e bate-papo entre os internautas.

Continua após a publicidade


Esta é a segunda tentativa de lançamento. A primeira foi quinta-feira, mas foi adiado devido a uma severa tempestade que se desenvolveu ao leste do centro da Flórida.


Satélites a bordo
O lançamento dessa sexta-feira colocará em orbita mais 57 satélites da frota Starlink, além de mais dois satélites de observação BlackSky, com massa de 55 quilos e capacidade de resolução de imagens de 1 metro. Esses dois satélites estão montados no topo da treliça que sustenta os Starlinks.

Descida do Primeiro Estágio
O primeiro estágio do Falcon 9 deverá descer oito minutos depois do lançamento, de forma autônoma, sobre a plataforma batizada de "Just Read the Instructions", ou JRTI, estacionada no Atlântico na altura da costa da Flórida.

Perda de sinal durante o Pouso
Devido ao movimento provocado na plataforma pela exaustão dos gases no momento do pouso, são esperadas instabilidades no alinhamento da antena que transmite os sinais ao vivo até o satélite, o que deve resultar em perda do sinal das imagens no momento do pouso.


Nova Tecnologia Starlink
Embora sejam magníficos de serem observados aqui da Terra, a gigantesca constelação de satélites Starlink provocou a ira dos astrônomos, cujas observações celestes começam a ser prejudicadas pela forte reflexão solar causada pelos satélites.

Até 13 de junho de 2020, a SpaceX havia colocado no espaço 540 satélites para acesso à internet, Com o lançamento de 26 de junho a frota será ampliada para 597, mas a empresa já recebeu permissão para lançar cerca de 12 mil objetos, com possibilidade deste número chegar a 30 mil até 2025.

Se do ponto vista de interferência eletrônica isso não é tão relevante, da perspectiva da astronomia pode ser catastrófica, devido à interferência nas observações.


Starlinks Invisíveis: Darksat
Sabendo do impacto científico nas observações astronômicas, o presidente da SpaceX, Elon Musk, determinou uma mudança radical no projeto, que começou a ser testada no início de 2020 e que será colocada em prática a partir desse lançamento.

O objetivo é reduzir mais da metade do brilho do satélites e para isso foram feitas alterações do ângulo do painel solar e a inclusão de uma espécie de "guarda-sol" que impede a reflexão Solar em direção à Terra. De acordo com Musk, o impacto dessas alterações já foram testados em alguns satélites anteriores e o resultado foi o esperado.

Segundo a SpaceX, esses guarda-sóis são feitos de uma espuma extremamente transparente aos sinais de rádio, permitindo que observações feitas com radiotelescópios também não sejam prejudicadas pela passagem dos objetos.

A eficácia plena dessas medidas ainda não é conhecida e deverá ser revelada já nos próximos dias, já que os astrônomos rastrearão os satélites modificados com a esperança que os Starlinks não se destaquem excessivamente contra o céu escuro. Para os simples mortais, pode ser considerado o fim do trem de satélites luminosos, que encantavam - ou estragavam - a paisagem noturna.

LEIA MAIS NOTÍCIAS
Base de Dados Completa

Se você precisa de uma base de dados de latitude e Longitude das cidades brasileiras, clique aqui.
Podemos fornecer uma base completa, com mais de 5500 cidades em formato Excel.
Ideal para Projetos, Desenvolvimentos e construção de aplicativos.




Termo de Uso  |   Links Úteis  |   Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2024

"Se só por piedade se dessem esmolas, os mendigos estariam mortos de fome" - Nietzsche -